Como ajudar cães e gatos a viver uma vida mais saudável.

Como educar as crianças sobre como fazer para cuidar de um gato

Adult cat lying down indoors and being stroked by a child.
Os gatos são companheiros maravilhosos e podem desempenhar um papel importante no ensino das crianças sobre responsabilidade e cuidado com animais, mas antes de levar um gato ou um filhote para casa, é importante educar as crianças sobre o novo pet.

Os gatos não são apenas maravilhosos companheiros, mas, quando introduzidos nas famílias, eles também podem desempenhar um papel importante no ensino das crianças sobre a responsabilidade e cuidado com animais.

Antes de levar um gato ou um filhote para casa, é importante educar as crianças para garantir que o novo pet e os filhos estejam seguros.

Como educar as crianças

As crianças normalmente tendem a fazer um rebuliço com o novo membro quando ele chega em casa. Elas ficam entusiasmadas e naturalmente querem segurá-lo. A maioria dos gatos adultos saberá ficar longe das crianças quando não quiserem ser incomodados, mas o mesmo não se pode dizer dos filhotes.

De qualquer forma, você deve explicar às crianças que o novo pet não é um brinquedo e que ele precisa ficar sozinho em determinados momentos. Apresente-os em um ambiente calmo e explique que existem regras que elas precisam seguir para cuidar do novo pet e manter a segurança de todos.

Para ajudar no processo, você pode:

  • Pedir para as crianças se sentarem no chão e deixar o filhote vir até elas primeiro.
  • Ensine as crianças sobre como fazer para segurar o novo filhote com cuidado e respeito. A melhor maneira de segurar o filhote é passando uma mão aberta sob a barriga, enquanto a outra mão segura a parte de trás. É melhor que as crianças não o peguem sozinhas, a menos que seja demonstrado corretamente.
  • Quando as crianças acariciarem o gato ou o filhote, certifique-se de que elas não o apertem com muita força.
  • Ensine as crianças a não puxarem o rabo do gato ou do filhote.
  • Elas não devem segurar o gato ou o filhote pela cabeça nem pelo pescoço.
  • As crianças não devem levantar o gato ou o filhote agarrando as patas dianteiras.
  • Explique que elas jamais devem acordar o gato ou o filhote, pois esse é um momento importante para os filhotes crescerem e fortalecerem a imunidade.
  • Ensine as crianças que um comportamento vivaz ou saudável pode estressar o novo filhote. Por isso, é preciso tomar cuidado para manter a calma com a nova chegada.

Como garantir a segurança do filhote e das crianças

Há várias ações que você pode fazer para ajudar a manter a segurança do novo gato ou filhote, bem como das crianças. Elas incluem:

  • No início, é recomendável impedir que crianças pequenas brinquem com o filhote na sua ausência para evitar arranhões acidentais.
  • Quando o assunto for brincar, incentive as crianças a usarem brinquedos, pois isso mantém a atividade agradável para todos.
  • Certifique-se de que as crianças entendam que não se deve alimentar o gato ou o filhote com nada além da própria comida, e a responsabilidade pela alimentação de um filhote não deve ser assumida de qualquer jeito.
  • Implante um protocolo rígido e regular de vermifugação para seu pet, porque alguns tipos de vermes podem ser transmitidos para humanos, especialmente para crianças.
British Shorthair adulto deitado no joelho de uma criança.

Raças de gato que são boas com crianças

Ao escolher um gato, convém considerar se você deseja um pedigree ou um SRD (sem raça definida) e se vai a um criador ou a um centro de resgate. Todos os animais têm características individuais, mas o pessoal do abrigo vai conhecer bem cada gato e ajudá-lo a encontrar o animal de estimação resgatado certo para você, ou você pode perguntar a um criador sobre o temperamento do gato e da gata.

Entre as raças de gatos populares entre as famílias estão:

Birmanês: Amoroso e receptivo ao treinamento, o Birmanês é um gato sociável, com quem você pode até mesmo passear.

Ragdoll: Gentil e em busca atenção, o Ragdoll é uma raça amistosa que aceita bem o carinho.

Himalaio: Um gato mais ativo, o Himalaio gosta de brincar, mas ainda prefere o luxo de uma vida em ambiente interno.

Maine Coon: Paciente com crianças ativas, o Maine Coon costuma ser calmo, mas também é ativo.

Os gatos são animais de estimação extremamente carinhosos e recompensadores que podem realmente ajudar as crianças a entender a responsabilidade e o cuidado com os animais quando o relacionamento é introduzido e administrado corretamente. No entanto, é importante lembrar que eles são animais que precisam de cuidados.

Ao educar as crianças e permitir que elas entendam as necessidades dos novos animais de estimação, você maximiza a oportunidade de um relacionamento bem-sucedido e minimiza a possibilidade de arranhões nas crianças ou traumas para o novo animal de estimação.

  • Filhote
  • Será que um gato é o animal ideal para você?

Curtir e compartilhar esta página

Saiba mais sobre raças de gato

Pesquisar raças

View all cat breeds
Maine Coon adulto em pé em preto e branco sobre um fundo branco