Como ajudar cães e gatos a viver uma vida mais saudável.
Saúde e bem-estar

Um guia para mudar o alimento dos seus cães

English Cocker Spaniel eating from a bowl indoors
A apresentação do seu cão a um novo alimento deve ser feita lentamente, para evitar um possível desconforto digestivo. Siga nosso guia simples de sete dias para facilitar a entrada do cão em uma nova dieta com segurança e cuidado.

Quando devo pensar em mudar o dieta do meu cão?

Pode chegar um momento em que você precisa mudar a dieta do cão. Pode haver várias razões pelas quais você queira mudar, incluindo:

  • Seu cão está passando de um dos três estágios da vida para outro: filhote, adulto e idoso. Cada uma dessas etapas da vida possui um conjunto exclusivo de necessidades que podem se beneficiar da nutrição especialmente desenvolvida .
  • Seu cão está prenha. Uma cachorra prenha precisará de energia extra e poderá exigir uma nova dieta que seja mais adequada às suas necessidades nutricionais.
  • Uma doença ou condição que precise de suporte nutricional adicional, como sensibilidade da pele ou distúrbio gastrointestinal.
  • Você pesquisou vários alimentos para cão ou conversou com seu veterinário e decidiu mudar os alimentos de seu pet.

Sinais de que seu cão talvez precise mudar de dieta

Existem alguns sinais a serem observados que podem sugerir a necessidade de mudar para um novo alimento para cão:

  • Um pelo liso e opaco pode ser uma indicação de que seu cão não está recebendo os nutrientes certos na dieta.
  • Fezes soltas e flatulência podem ser um sinal de intolerância alimentar ou o resultado de um alimento de menor qualidade.
  • Baixos níveis de energia.
  • Cães com sobrepeso ou obesos podem exigir uma nova dieta, em vez de simplesmente reduzir a dieta existente, para garantir que eles continuem recebendo a nutrição completa e equilibrada necessária, enquanto trabalham com segurança e devagar para reduzir a perda de peso saudável.

Se você tiver alguma dúvida sobre a saúde do seu cão, o veterinário poderá ajudar a determinar qual dieta é ideal para seu pet. O veterinário também pode ajudá-lo a saber quando e como fazer a transição do seu pet para o novo alimento com sucesso. O conselho do médico-veterinário ajudará a tornar a transição uma experiência positiva para vocês dois.

Como mudar o alimento do cão - faça a transição gradualmente

Depois de decidir mudar para outro alimento, recomendamos uma transição gradual. Ao introduzir o novo alimento lentamente no seu pet, você ajudará a evitar problemas gástricos. Geralmente, esse processo leva cerca de uma semana e é sempre uma boa ideia monitorar seu pet para garantir que tudo esteja indo bem.

Comece apresentando a nova dieta como uma baixa proporção da dieta antiga e, depois, altere gradualmente a proporção do alimento antigo pela nova durante o período de cerca de uma semana até fazer a transição completa para a nova dieta. Nos primeiros dias, trabalhe com uma proporção de cerca de 25% de comida nova para 75% da antiga e monitore o comportamento e o consumo de alimentos do seu pet.
Se todos os sinais estiverem bons depois de alguns dias, comece a alterar a proporção entre os alimentos novo e antigo. Aumente gradualmente a porcentagem do novo alimento para 50/50 após quatro dias e, em seguida, 75% do novo alimento para 25% do antigo após seis dias. Por fim, se o seu cão estiver tolerando bem a comida, inicie o alimentação com 100% do novo alimento após sete ou oito dias. É uma boa ideia manter sua rotina regular de alimentação, manter as refeições e as áreas de refeições da mesma maneira enquanto você faz a transição de seu pet para uma nova dieta. Converse com o veterinário se tiver alguma dúvida sobre a maneira como o seu pet está migrando para o novo alimento.

Fique de olho neles

Quando seu pet tiver aceitado a nova dieta e não estiver mais sendo alimentado com a comida anterior, você deverá manter a alimentação nessa nova dieta por pelo menos dois meses. Dessa forma, seu pet pode aproveitar todos os benefícios da nova nutrição, e você pode avaliar melhor como ele está respondendo a ela. O melhor tipo de dieta será percebido na aparência de seu pet, resultando em um peso corporal saudável, uma pele ótima e uma pelagem brilhante, além de pouco mal-estar estomacal e boa qualidade das fezes.

Os donos que colocaram seus animais de estimação em uma nova dieta por razões de saúde devem, de preferência, agendar um check-up com o veterinário para monitorar o progresso de seu animal de estimação e verificar se a nova dieta está melhorando a saúde deles.
  • Saúde digestiva
  • Bem-estar geral

Curtir e compartilhar esta página

Artigos relacionados
English Cocker Spaniel standing indoors eating from a feeding bowl

Alimentação combinada para o seu cão

Golden Retriever adulto deitado no chão com uma tigela prata.

Como evitar um mal-estar estomacal no seu cão

Retriever da Nova Escócia Duck Tolling adulto deitado em um tapete.

Seu cão está constipado?