Como ajudar cães e gatos a viver uma vida mais saudável.

Apresentando os gatos aos outros pets

Adult cat lying down next to an adult Golden Retriever.
Conhecer a nova família e outros animais, incluindo cães e gatos, é um passo muito importante na vida de um filhote, e preparar e lidar cuidadosamente com esse processo é fundamental para a saúde e bem-estar deles a longo prazo.

Apresentar um recém-chegado aos pets já estabelecidos pode ser complicado. Embora decidam a própria hierarquia, você não deve permitir que sejam agressivos uns com os outros. Vá com calma e seja paciente. É nesta fase em que as regras básicas serão estabelecidas para a vida futura em conjunto.

Conhecer o novo ambiente, os membros da nova família e outros animais é um passo muito importante na vida de um filhote, e isso determinará o nível de adaptação à casa nova. É necessário que seja um processo sem estresse, pois o crescimento saudável e o bem-estar dependem desse cuidado e atenção iniciais.

As apresentações a outros animais devem sempre ser supervisionadas; se não forem feitas adequadamente, poderão surgir confusões e confrontos por causa de recursos e espaço compartilhados. Antes da apresentação, recomenda-se marcar uma visita ao médico-veterinário. Isso permitirá que você tenha certeza de que seu novo filhote não é portador de nada contagioso que possa ser transmitido aos outros pets.

Embora existam coisas específicas que você pode fazer para facilitar a apresentação de um novo filhote para cães e gatos, há também algumas informações gerais a serem observadas, a fim de dar suporte aos pets já existentes e à sua nova chegada:

  • Mantenha seu novo filhote distante de outros pets nos primeiros dias para que ele possa conhecer o novo ambiente gradualmente.
  • Isole o filhote em um cômodo após o outro, para que possa gradualmente explorar a casa e não sentir o desejo de se esconder debaixo da mobília.
  • Continue dando muita atenção aos seus pets atuais e, nos primeiros dias, mantenha os privilégios deles (seja cão ou gato).
  • Ofereça conforto aos pets já existentes quando estiverem em seu próprio território.
  • Tranquilize seu novo gato em seu próprio espaço (um cômodo silencioso),
  • Nos cômodos não utilizados pelo filhote, esfregue a parte inferior das paredes com um pano que você tenha usado anteriormente para limpar a face e a boca do filhote, permitindo assim que seu pet se acostume com o odor dele.

Apresentando seu filhote aos cães já existentes

Se o seu cão já conhece e gosta de gatos, esse processo será muito mais fácil; no entanto, um cão que seja devidamente socializado aceitará prontamente um novo gato. Alguns cães mais velhos podem ser menos tolerantes, mas ainda podem aprender a viver com um gato. As apresentações iniciais devem ser feitas com o cão em uma guia e o gato sem restrições. Apresentações controladas e repetidas permitirão que o seu cão e o seu novo gato encontrem uma forma de viver calmamente em conjunto.

Você pode ajudar as coisas a serem mais fáceis:

  • Mantendo o seu cão na guia e mantendo-os calmos (recompense-os por ficarem calmos).
  • Seu gato não deve ficar preso em um canto; escolha um cômodo onde ele se sinta confortável e onde haja lugares para se esconder; de preferência, áreas mais altas que o cão.
  • Não tente forçar o gato a entrar em contato com o cão; deixe ele se aproximar em seu próprio tempo.

 

Gato adulto do lado de fora em um jardim farejando um filhote preto e branco.

Apresentando seu filhote aos gatos já existentes

Outro gato pode ser um desafio maior do que um cão. Apesar de os gatos adultos aceitarem melhor filhotes do que adultos, não ficarão muito felizes em ver outro gato se mudar para o seu território, pois eles são geralmente solitários por natureza. Eles podem expressar sua insatisfação por meio de um comportamento ameaçador, e podem levar alguns dias ou até meses para que aceitem a nova situação.

Repetindo-se as apresentações supervisionadas ao longo do tempo até que os gatos aceitem a presença um do outro e o fator medo pareça desvanecer, os dois gatos começarão a formar uma relação territorial, que você deverá respeitar.

Lembre-se: você não pode forçar um gato a gostar do outro, mas pode tentar fazê-los viver pacificamente juntos. 

Ao apresentar seus gatos:

  • Faça a apresentação cuidadosamente e assegure-se de que ambos os gatos tenham bastante espaço para se esconder e evitar um ao outro. Escolha um local neutro para eles se encontrarem. Deve ser uma sala grande, para que eles possam manter distância um do outro
  • Certifique-se de que ambos os gatos tenham uma rota de fuga um do outro.
  • Comece com períodos curtos e gradualmente aumente o tempo gasto juntos nos dias seguintes.
  • Seguindo em frente, lembre-se de fornecer a cada gato sua própria área de dormir, alimento e tigela de água, pois não vão querer compartilhar.
  • Recomenda-se pelo menos uma caixa de areia por gato e mais uma adicional para permitir que escolham
  • Se os gatos permanecerem dentro de casa, recomenda-se também que cada um tenha acesso a bastante espaço para se esconder, brincar e explorar. Por exemplo, cada um pode ter sua própria árvore de gato para não precisar dividir o espaço.
  • Os problemas acontecem quando o território de um gato impede o outro gato de realizar uma atividade normal; portanto, certifique-se de que cada gato consiga realizar todas as suas atividades normais (comer, dormir, beber, usar a caixa de areia) sem confronto para evitar que haja problemas com o estresse.

Embora você não possa forçar os animais a gostarem uns dos outros, você pode incentivar o bom comportamento e o respeito que permitirão a eles conviver em paz.

Antes de trazer um filhote novo para casa e, à medida que os gatos aprendem a viver juntos, é importante estar sempre atento às necessidades de todos os animais para que não sofram estresse.

  • Treinamento e comportamento
  • Será que um gato é o animal ideal para você?

Curtir e compartilhar esta página

Artigos relacionados
Adult Bengal lying on its back playing with a cat toy on a carpet.

Como fazer para cuidar de um filhote ou de um gato adulto

Adult cat lying down indoors and being stroked by a child.

Como educar as crianças sobre como fazer para cuidar de um gato

Adult Norwegian Forest Cat walking across a rug in a living room.

Aspectos a considerar antes de adquirir um gato

Saiba mais sobre raças de gato

Pesquisar raças

View all cat breeds
Maine Coon adulto em pé em preto e branco sobre um fundo branco