Ajudar os cães e os gatos a terem uma vida mais saudável.
Saúde e bem-estar

​Os sintomas de problemas digestivos no seu gato

Gato adulto deitado num cobertor branco num espaço interior.
Saber quais são os indicadores de um problema digestivo a que deve estar atento no seu gato pode ajudar a garantir que ele recebe os cuidados corretos do médico veterinário o mais rápido possível - saiba mais sobre os sinais comuns aqui.

Quando se trata de problemas digestivos, os gatos podem sofrer vários problemas causados por diferentes fatores - por isso, saber como reconhecer os sinais de um problema digestivo pode ser muito útil.

O seu gato tem dificuldade em comer ou engolir

Se o seu gato tiver uma obstrução no esófago (como uma bola de pelo), ou se os músculos do esófago ou do estômago não estiverem a funcionar adequadamente, é possível que perceba que está a ter dificuldade em comer ou engolir.

Irá notar que ele parece relutante em comer - o que pode ser doloroso - ou, quando o faz, pode ser um processo difícil ou constrangido. Pode regurgitar comida; ou seja, vomitar passivamente a comida, normalmente logo depois de ter comido e sem qualquer aviso. Pode tossir, o que é causado por alimentos não digeridos alojados no esófago.

O seu gato vomita ou tem bolas de pelo

Não é incomum que os gatos vomitem ocasionalmente, principalmente se tiverem comido algo que o seu corpo identifique como nocivo. Vómitos frequentes, duas vezes por mês ou mais, podem ser um indicador de um problema mais sério, como uma infeção, uma doença inflamatória ou uma úlcera, no entanto os gatos vomitam por vários motivos. Quando o seu gato vomita, expele alimentos parcialmente digeridos no estômago ou na bílis, muitas vezes passado algum tempo depois de comer. Isto é diferente da regurgitação, que é uma reação mais passiva e imediata.

Se o seu gato regurgitar um pedaço de pelo compacto e emaranhado, pode estar a sofrer de bolas de pelo. Estas bolas manifestam-se quando o excesso de pelo ingerido através da limpeza fica agregado no trato digestivo do seu gato. Em condições normais, o seu gato digeriria estes pelos, mas se houver pelos em quantidade excessiva, o seu corpo não consegue realizar o processo habitual e formam-se bolas de pelo. Embora os gatos de pelo longo possam ser mais suscetíveis, trata-se de um problema particular dos gatos de interior, já que eles passam muito mais tempo a limpar-se do que os gatos de exterior. Alguns gatos não irão expelir uma bola de pelo totalmente formada, mas haverá pelo no seu vomitado. 

Gato adulto deitado a bocejar num espaço interior.

O seu gato tem diarreia

À semelhança de vómitos, a diarreia pode ser indicadora de uma doença de fundo que pode estar a afetar o seu gato. Os médicos veterinários distinguem entre diarreia proveniente do intestino grosso e do intestino delgado, pois são caracterizadas por sinais clínicos diferentes e têm uma causa diferente.

Se o seu gato tiver diarreia proveniente do intestino grosso, as fezes tenderão a ter o mesmo volume ou menos do que o habitual numa única expulsão, mas ocorrerão mais frequentemente do que o normal, e incluem por norma sangue ou muco. Também poderá notar que as fezes são mais moles no fim do dia. O seu gato também exibirá a necessidade de aliviar a barriga com urgência e frequência.

A diarreia proveniente do intestino delgado no gato tende a ser de grande volume numa única expulsão, pode variar de cor, apresentar-se verde ou alaranjada, e pode incluir alimentos não digeridos. O seu gato também pode sofrer de vómitos, perda de peso e flatulência.

Uma das dificuldades de verificar as fezes do gato é que pode ter a tendência de sair para evacuar. Se for o caso, verifique se o seu gato tem fezes ao redor do ânus, pois poderá ser um indicador de diarreia, e monitorize a frequência com que sai.

Se perceber que o seu gato apresenta algum destes sinais clínicos, é importante levá-lo ao médico veterinário para que a causa do problema possa ser identificada e devidamente tratada. Muitos problemas digestivos podem ser aliviados ou solucionados com a dieta certa, por isso, peça conselhos ao médico veterinário sobre a melhor comida a dar ao seu gato, de forma a promover a saúde digestiva do seu animal de estimação.

  • Saúde digestiva

Faça gosto e partilhe esta página

Artigos relacionados
Adult cat sitting down outside in a garden next to a silver bowl.

Problemas digestivos comuns dos gatos

Gato adulto deitado num cobertor bege num espaço interior.

Prevenir perturbações gástricas em gatos

Ageing cat lying down asleep on a cushion.

​Que alimentos são tóxicos para o meu gato?

Encontrar um veterinário

Se estiver preocupado com a saúde do seu gato, consulte um médico veterinário para obter aconselhamento profissional.

Pesquisar perto de mim
Maine Coon adulto de pé, a preto e branco sobre um fundo branco
Cookie Settings