Ajudar os cães e os gatos a terem uma vida mais saudável.
Está a pensar em ter um gato?

O custo da tutoria de um gato

Kitten cat lying down indoors on top of a cat tree.
Ao adotar um gato, há uma série de despesas que deve ter em atenção para se certificar de que consegue apoiar o seu animal de estimação adequadamente durante toda a sua vida.

Não custa muito comprar um gato, especialmente se não tiver optado por um gato de raça pura. No entanto, para se certificar de que consegue apoiar o seu animal de estimação adequadamente ao longo da sua vida, há um conjunto de despesas que devem ser levadas em conta.

Os custos da saúde e bem-estar do seu gato

Quando traz o seu gato ou gatinho para casa, e ao longo do seu primeiro ano na sua companhia, há uma série de despesas que devem ser levadas em consideração.

  • É aconselhável que os gatinhos recebam um ciclo inicial de vacinação nas primeiras semanas de vida, para os proteger contra doenças comuns e potencialmente devastadoras. O ciclo de vacinação consiste em duas injeções, com um intervalo de três a quatro semanas. O seu gato pode já ter tomado a primeira injeção antes de o ter adotado, já que a primeira toma pode ocorrer entre as nove semanas. É importante lembrar que os gatos só ficarão protegidos algum tempo após a segunda injeção.
  • Outras vacinas que não fazem parte do ciclo habitual, mas que podem ser recomendadas pelo seu médico veterinário, são as vacinas contra o vírus da leucemia felina e um tipo de bactéria chamada chlamydophila felis, que causa conjuntivite.
  • Para ajudar a evitar perder o seu animal de estimação, recomenda-se a colocação de um microchip, que, em certos casos, é mesmo obrigatório. Trata-se da inserção indolor de um microchip debaixo da pele do pescoço. Desta forma, qualquer médico veterinário ou organização de resgate de gatos pode ler o chip com um scanner portátil. O seu médico veterinário pode realizar o procedimento em qualquer uma das consultas de rotina; em alguns segundos, o seu gato fica identificável para toda a vida.
  • A esterilização é uma das decisões mais importantes que qualquer tutor de animal de estimação pode tomar. A esterilização não só protege contra gestações indesejadas (e com tantos animais de estimação nos abrigos, isso é essencial), mas também reduz o risco de vários problemas de saúde e comportamentais. Muitos centros de resgate já terão esterilizado os gatos antes de estes serem levados para as casas dos tutores. Opcionalmente, pode discutir este procedimento com o seu médico veterinário.
  • As consultas de rotina anuais com um médico veterinário constituem uma parte importante da tutoria de um gato. Estas consultas irão permitir que o médico veterinário avalie o peso e o comportamento do seu gato e identifique possíveis problemas de saúde que possam surgir.
Gato adulto deitado numa marquesa a ser examinado por um veterinário.

Seguro de saúde para gatos

Cada tutor quer fazer o melhor pelo seu gato, e os médico veterinários tentam ao máximo manter as despesas razoáveis, mas os acidentes e as doenças crónicas podem fazer com que as contas veterinárias acumulem.

Um seguro de saúde dá-lhe a tranquilidade de saber que poderá dar ao seu gato o tratamento que merece, em caso de problemas. As companhias com seguros de saúde para animais de estimação abrangem diferentes tipos de coberturas e os preços variam de acordo com a idade, raça ou porte e tipo do seu gato, bem como com a sua localização.

A maneira mais fácil de encontrar a cobertura certa para si e para o seu gatinho é consultar a internet, verificar a oferta existente e optar pelo pacote certo para ambos. Na sala de espera da clínica veterinária e em revistas sobre animais de estimação, encontrará disponíveis outras fontes de informação.

Despesas diárias

Há vários aspetos a ter em consideração que terão impacto a longo prazo no facto de ter um gato, incluindo a raça, o tipo de pelagem e o seu estilo de vida pessoal. Embora a maior parte das despesas diárias seja limitada, aqui está um valor que pode querer contemplar desde o início:

  • Os gatos gostam de afiar as unhas enquanto parte da sua rotina diária e é importante dar ao seu gato um local para fazê-lo, assim é boa ideia ter no mínimo um poste para arranhar em casa. Também é boa ideia ter muitos mais brinquedos disponíveis, especialmente se pretender manter o seu gato dentro de casa.
  • Explorar o espaço, subir e esconder-se também são comportamentos comuns dos gatos. As árvores para gatos são recomendadas para promover o seu bem-estar, oferecer-lhes bastante exercício e dar-lhes um espaço seguro onde se esconderem.
  • Uma parte muito importante dos cuidados a ter com o seu gato consiste na prevenção contra pulgas, lombrigas ou carraças. A maior parte dos criadores e centros de resgate iniciará este processo por si. O médico veterinário poderá aconselhá-lo sobre o plano de desparasitação indicado para o seu gato.
  • A alimentação e nutrição são custos naturalmente contínuos. Os alimentos de elevada qualidade são recomendados para fornecer os nutrientes certos para cada fase e estilo de vida. Este tipo de alimento é apresentado em diferentes texturas, húmidas e secas, que podem ser fornecidas diariamente se forem servidas em tigelas separadas.
  • Ter uma fonte de água disponível é uma boa forma de incentivar o seu gato a beber. Sabe-se que algumas raças gostam particularmente de brincar na água, por isso estas fontes também podem proporcionar entretenimento.
  • Outro custo a considerar com gatos é relativo aos tabuleiros sanitários. É importante que os tabuleiros sanitários estejam limpos, pois é pouco provável que os gatos as utilizem se estiverem sujos.
  • A limpeza variará muito de acordo com a raça do seu gato, no entanto, é provável que o custo da limpeza tenha mais a ver com dispêndio de tempo do que de dinheiro.

Trazer um gato ou gatinho novo para a sua casa é um momento emocionante e feliz, e é fácil deixar passar os custos contínuos que decorrerão do processo. No entanto, é importante recordar que os gatos podem viver até 20 anos ou mais, e ao manter presentes os custos contínuos no início de vida poderá garantir a saúde e o bem-estar do seu animal de estimação ao longo da sua vida.

  • Bem-estar geral
  • Escolher o gato certo

Faça gosto e partilhe esta página

Artigos relacionados
Two adult cats walking together in a field.

​O seu guia para adotar um gato

Adult cat standing next to a kitten licking its ear.

Devo adotar um gato ou comprar um gatinho?

Adult British Shorthair lying down indoors on a windowsill.

Devo escolher um gato de raça pura ou de raça indeterminada?

Saiba mais sobre as raças felinas

Pesquisar raça

Ver todas as raças de gatos
Maine Coon adulto de pé, a preto e branco sobre um fundo branco