Sacred Birman black and white kitten playing with red ball

A recolha do seu gatinho e a primeira semana de ambos

Ir buscar um novo gatinho é realmente empolgante, mas é uma grande mudança para ele, tendo em conta que abandonará a casa, a mãe e os companheiros de ninhada. Aqui estão algumas coisas a ter em consideração para ajudar o seu gatinho a ambientar-se.

O que precisa de saber para cuidar do seu gatinho

Há muitos fatores a ter em conta ao preparar a chegada do seu novo gatinho. Precisará de estar totalmente preparado antes de o ir buscar e saber o que fazer no primeiro dia e na primeira noite que passar consigo, nomeadamente o que lhe dar de comer.

Durante a primeira semana, o ideal é começar a estabelecer rotinas, levá-lo ao médico veterinário e iniciar a sua socialização. É ainda importante saber como apresentar o gatinho a amigos, familiares, crianças e outros animais de estimação. Deve também saber como organizar as suas primeiras aventuras ao ar livre, quando já estiver vacinado.

Kitten being held by its owner
Persian kittens sitting together on a cat tree

Está pronto para ir buscar o seu gatinho?

É importante estar totalmente preparado antes de ir recolher o seu gatinho. Certifique-se de que torna a sua casa segura para gatinhos e arranja uma divisão com tudo o que precisam, incluindo uma cama, tigelas de comida e água, uma caixa de areia e brinquedos.

Precisará também de uma transportadora para trazer o seu gatinho e de um pouco da alimentação dada pelo tutor anterior. Também é uma boa ideia encontrar um médico veterinário da sua confiança e marcar uma consulta para um check-up poucos dias depois da recolha.

Perguntas frequentes: Trazer um gatinho para casa

Certifique-se de que tornou o espaço onde vive seguro e que arranjou a divisão em que o seu gatinho viverá. Também precisará de uma transportadora para a viagem. O ideal é encontrar um médico veterinário com antecedência para poder marcar um check-up para o seu gatinho alguns dias depois de o trazer para casa.

Nunca deve adotar um gatinho com menos de oito semanas. Alguns criadores poderão mantê-los com a mãe e os companheiros de ninhada até às 12 semanas. Por essa fase já devem ter sido desmamados e aprendido as competências sociais básicas necessárias para interagir com outros gatos. É também entre as oito e as 16 semanas que começam a compreender o seu papel em casa, pelo que será uma boa altura para trazê-lo para o seu novo lar.

O ideal é ir buscar o seu gatinho numa altura em que possa desfrutar de alguns dias tranquilos em casa e não planeie receber visitas. Procure ir buscá-lo de manhã para que se possa adaptar ao seu novo lar antes de chegar a noite.

Pergunte-lhe qual o alimento habitual do gatinho, qual é a rotina de alimentação dele e como decorre a utilização da caixa de areia. Confirme se já foi visto por um médico veterinário, se foi vacinado, se foi submetido a tratamentos de desparasitação e se tem chip de identificação. Pergunte também quais são os seus brinquedos preferidos.

Se possível, deixe alguns brinquedos e um cobertor com o gatinho durante alguns dias antes de o ir buscar, para que o odor familiar o reconforte durante a viagem e quando chegar a casa.

Independentemente do método que utilize para deslocar-se, é essencial levar consigo uma transportadora para gatos, já que é perigoso transportar um gatinho solto no carro ou este poderá escapar se o transportar a pé ou num transporte público.

Escolha uma em que o gatinho caiba quando crescer e coloque nela um cobertor para que se sinta confortável. Uma transportadora escurecida ajudará o seu gatinho a sentir-se protegido. Lembre-se ainda de levar algumas toalhas de papel e um cobertor para substituição, para o caso de haver algum acidente durante a viagem. Mantenha a mala de transporte fechada durante as viagens para que o gatinho fique aconchegado.

Se viajar de carro, mantenha o ambiente calmo e conduza devagar para evitar que o seu gatinho se assuste. Prenda a transportadora com um cinto de segurança para que não deslize ou peça a outro passageiro que a mantenha firmemente segura.

Para ajudar o seu gatinho a sentir-se seguro, coloque um cobertor leve sobre a transportadora e alguns brinquedos ou cobertores com um cheiro familiar dentro da transportadora. É mais seguro deixá-lo na transportadora durante o decurso da viagem, mas pode ajudá-lo a permanecer calmo falando tranquilamente com ele.

O primeiro dia do seu gatinho consigo

Os gatinhos são muito sensíveis aos novos ambientes, por isso é crucial ser cuidadoso com a chegada do seu novo animal. A experiência poderá ser menos avassaladora para o seu gatinho se seguir estas sugestões-chave.

A primeira noite do seu gatinho consigo

Os gatinhos costumam ficar muito perturbados na primeira noite. É também normal que chorem durante duas ou três noites. Eis algumas dicas que contribuirão para uma boa adaptação do seu gatinho.

Kitten sleeping on a grey and white blanket

Disponibilizar um espaço seguro para dormir

Coloque a cama do seu gatinho, com um cobertor, num lugar aconchegante e sossegado, garantindo que este tem acesso a água, a comida e à caixa de areia. Apagar a luz contribuirá para que o seu gatinho estabeleça padrões de sono, contudo, na primeira noite, poderá deixar uma luz ligada para que se habitue ao novo ambiente.

Para o seu bem-estar e para crescerem saudáveis, os gatinhos precisam de dormir muito, num local sossegado, onde possam relaxar e sentir-se seguros. O gatinho pode dormir cerca de 20 horas por dia e, quando chegar à idade adulta, pode continuar a precisar de dormir até 18 horas por dia.

Os melhores hábitos de alimentação e comida para gatinhos

A primeira vez que alimenta o seu gatinho é um passo importante na jornada conjunta de ambos. Compreender o que ele precisa ajudá-lo-á a garantir que tudo corra bem.

Manter a mesma alimentação numa fase inicial

Quaisquer alterações repentinas na dieta do seu gatinho podem causar perturbações digestivas e stress. Portanto, na primeira semana, dê ao seu gatinho o mesmo alimento e mantenha a rotina alimentar estabelecida pelo tutor anterior. Após esse período, poderá mudar gradualmente para uma rotina diferente, se assim desejar, e para o alimento adequado para gatinhos.

Disponibilizar um sítio sossegado para comer

Este espaço deverá ser um sítio onde o seu gatinho se sinta seguro, longe do local onde a família e outros animais de estimação comam. Os gatos não gostam de comer muito perto da caixa de areia e devem ter sempre água fresca disponível. É importante manter as tigelas da água afastadas da comida para que não haja contaminação.

Não dar leite nem restos ao seu gatinho

Após o desmame, o gatinho perde a capacidade de digerir o açúcar do leite e o leite de vaca pode provocar-lhe diarreia. Se lhe der os restos das suas refeições, ele poderá começar a pedinchar comida, ficar doente ou com excesso de peso uma vez que está a comer alimentos que não são adequados para ele.

Ser paciente com a falta de apetite do gatinho

O stress da mudança para um novo lar pode tirar inicialmente o apetite ao gatinho, mas este voltará assim que ele estiver mais adaptado. Lembre-se também de que os gatos naturalmente não comem muito às refeições, fazem várias refeições pequenas por dia. Se ficar preocupado com os hábitos alimentares do seu gatinho, consulte o médico veterinário.

Saiba mais sobre a nutrição e a alimentação do gatinho

A alimentação do seu gatinho deve conter todos os nutrientes de que necessita em cada fase do seu desenvolvimento. Como tal, será necessário adaptar os alimentos e as doses que lhe dá à medida que cresce.

Alimentar o seu gatinho
Sacred Birman black and white kitten eating
how to transition onto new food illustration

Como alterar a alimentação do seu gatinho em segurança

O aparelho digestivo de um gatinho é muito delicado e pode ser perturbado por mudanças repentinas. Quando estiver pronto para alterar o alimento do seu gatinho, é crucial fazer a transição com cuidado e devagar para evitar problemas digestivos. Consulte o nosso guia para alterar o alimento do seu gatinho em segurança.

Ler o artigo

Coisas a fazer na primeira semana com o seu gatinho

A socialização do gatinho

A socialização deve começar o mais cedo possível de modo a evitar comportamentos indesejados e ajudá-lo a transformar-se num gato adulto confiante e equilibrado. Saiba como pode promover a socialização do seu gatinho.

Promover a socialização do seu gatinho
Sacred Birman mother with two kittens in black and white on a white background

O seu gatinho pode sentir-se incomodado com a mudança para um novo lar, mas poderá ajudá-lo a manter-se calmo. Mova-se devagar e suavemente e manuseie-o com muito cuidado. Use uma voz meiga e seja bastante tranquilizador enquanto lhe apresenta, aos poucos e poucos, novos sítios, sons e odores. Garanta também que inicialmente recebe o mínimo de visitantes possível.

Rotina diurna do gatinho

Os primeiros dias e semanas do seu gatinho consigo vão influenciar a forma como este se integra na família e se ele se transformará num gato feliz e sociável. Em seguida, encontram-se algumas formas de estabelecer rotinas que propiciarão ao seu gatinho o melhor começo possível.

Rotina noturna do gatinho

Quando é que os gatinhos podem sair?

White kitten walking outdoors in grass

Os gatinhos podem sair sob a sua supervisão depois de lhes serem administradas as vacinas de reforço, por volta dos quatro meses de idade. Mas só por volta dos seis meses é que estarão prontos para sair sem vigilância, sempre num ambiente controlado.

Além de cumprir completamente o plano de vacinação do seu gatinho, deverá certificar-se também de que:

  • O animal é facilmente identificável por meio de um microchip ou de uma coleira ajustável e de uma etiqueta de identificação.
  • O seu jardim é seguro para gatinhos.
  • Tendo em conta que conhece os objetos preferidos do seu gatinho, pode utilizá-los para o aliciar a voltar para casa.

Antes de deixar o seu gatinho sair, também é necessário esterilizá-lo para evitar ninhadas indesejadas.

A primeira viagem do gatinho ao exterior pode parecer assustadora, mas aqui estão algumas maneiras de ajudar a garantir que seja uma experiência positiva:

  • Escolha um horário sossegado e mantenha as crianças e outros animais de estimação afastados.
  • Saia antes da hora do jantar para poder usar a comida do seu gatinho para atraí-lo para dentro.
  • Caminhe com o seu gatinho enquanto ele explora para que não se perca.
  • Deixe a porta aberta para que ele possa ver como voltar para dentro.
Black and white kitten laying down in grass
KCFWCB18

Os nossos alimentos para gatinhos

O alimento Kitten da ROYAL CANIN® contribui para um crescimento e um desenvolvimento saudáveis, fornecendo todos os nutrientes essenciais de que precisam no primeiro ano de vida.

Produtos para gatinhos