Sacred Birman kitten eating wet food in black and white on a white background

Alimentação e nutrição para gatinhos

Oferecer ao seu gatinho uma alimentação nutricionalmente completa, adaptada às suas necessidades específicas, é essencial para promover o seu desenvolvimento e criar alicerces para um futuro saudável.

Os gatinhos necessitam uma alimentação diferente da dos gatos adultos

À medida que os gatinhos crescem rapidamente e os respetivos sistemas digestivo e imunitário se desenvolvem lentamente, têm necessidades nutricionais muito específicas que são diferentes das dos gatos adultos. Em particular, os gatinhos precisam de uma dieta com elevado teor energético e proteico, além de nutrientes que estimulam o sistema imunitário e o equilíbrio correto de vitaminas e minerais.

Por que motivo a alimentação do seu gatinho é tão importante

Para ajudar o seu gatinho a crescer e a permanecer saudável, é vital fornecer alimentos especificamente formulados para a idade, estilo de vida e necessidades nutricionais específicas do animal. O gatinho precisa do equilíbrio certo de proteínas, gorduras, hidratos de carbono, vitaminas e minerais. Somente uma dieta bem equilibrada fornecerá os aminoácidos essenciais, como a taurina, que não pode ser sintetizada pelo organismo.

Do nascimento até aos 4 meses

Durante esse intenso período de crescimento, os gatinhos precisam de uma dieta rica em antioxidantes para ajudar a aumentar a sua imunidade. Estão prontos para o desmame entre as quatro e as oito semanas e, inicialmente, os alimentos deverão ter uma textura muito macia para ajudá-los na transição do leite para os sólidos.

Sacred Birman kitten sitting indoors next to a red feeding bowl

Dos 4 aos 12 meses

O aparelho digestivo e o sistema imunitário do seu gatinho estão a fortalecer-se, mas ainda são frágeis. O ritmo de crescimento e as necessidades energéticas do gatinho começam a diminuir, mas continua a precisar de um alimento facilmente digerível especialmente concebido para o crescimento dos gatinhos.

Tabby kitten standing indoors eating from a stainless steel feeding bowl

Gatos adultos

Quando a dentição final do seu gatinho tiver surgido aos 12 meses, poderá mudar gradualmente para uma alimentação de gatos adultos. As necessidades nutricionais de um gato adulto dependem de fatores como o tamanho, a raça, os níveis de atividade e ter ou não sido esterilizado. É recomendado obter aconselhamento junto do seu médico veterinário sobre a altura certa para a mudança da alimentação do seu gato para o alimento de adulto.

Abyssinian kitten standing indoors eating from a white feeding bowl

A ciência por trás da nutrição ROYAL CANIN® para gatinhos

Somos especializados em nutrição saudável. Para nós, alimentar o seu gatinho não se trata apenas de fortalecer o corpo e fornecer energia, mas também de protegê-lo. Fornecemos o equilíbrio ideal de nutrientes para criar defesas contra doenças, bem como para proporcionar energia, desenvolvimento e manutenção das células.

KFECB6

A nossa gama para gatinhos

A nutrição para gatinhos da Royal Canin contribui para o seu crescimento e desenvolvimento, fornecendo todos os nutrientes essenciais para as necessidades de um gatinho no primeiro ano de vida.

 

Alimentos para gatinhos

O plano de alimentação do seu gatinho

Antes de levar o seu gatinho para casa, verifique qual a alimentação a que está habituado e a quantidade com que é alimentado diariamente. Quaisquer mudanças repentinas na sua alimentação podem perturbar o estômago do seu gatinho, além disso, este adaptar-se-á mais facilmente à sua nova casa se o alimento lhe for familiar.
Vá controlando o peso do seu gatinho para garantir que este não está a perder nem a aumentar demasiado o seu peso, realidades que podem causar problemas de saúde. Siga as quantidades recomendadas na embalagem de alimentos do seu gatinho e entre em contacto com o médico veterinário para obter orientações se estiver preocupado com o peso ou crescimento do animal.

Existem três métodos comuns de alimentação para gatinhos e gatos.

  1. Self-service - Este é o método mais natural, pois quando os gatos têm livre acesso ao alimento costumam comer várias pequenas refeições por dia. Podem comer um máximo de 16 vezes no espaço de um dia. É adequado para gatinhos que podem comer alimentos secos, não têm excesso de peso ou cuja probabilidade de comer demais seja elevada.
  2. Alimentação fracionada - Método que implica alimentar o seu gatinho em horários específicos durante o dia. Não se adequa tanto à tendência natural de petiscar do animal, por isso, é melhor dividir a dose diária em quantidades menores oferecidas várias vezes ao dia.
  3. Alimentação combinada - Neste método de alimentação, o tutor fornece alimento seco numa base self-service e alimentos húmidos em horários determinados. Se utilizar esta abordagem, é importante controlar a quantidade de alimento total fornecido para evitar que o seu gatinho adquira excesso de peso.

Depois da esterilização, o apetite de um gatinho tende a aumentar, e este torna-se também menos ativo. Sem uma gestão cuidadosa da alimentação e do exercício físico do animal, pode verificar-se um aumento de peso.
Peça conselhos ao seu médico veterinário sobre como ajustar a alimentação do gatinho após a esterilização. Pode ser necessário mudar para alimentos concebidos para gatinhos esterilizados, para que possa dar a mesma quantidade com menos calorias.

Criar o ambiente certo para alimentar o seu gatinho

Os gatos são muito sensíveis e vários fatores podem contribuir para criarem reservas com o alimento. Eles preferem comer calmamente num local afastado e com uma rota de fuga fácil, além de não gostarem que a tigela da comida esteja perto da caixa de areia. Além disso, mantenha também a tigela de comida do seu gatinho afastada da tigela de água para evitar que a água fique contaminada com alimentos. E crie a zona de alimentação longe da sua própria área de jantar, para que o seu animal não se sinta tentado a mordiscar as suas refeições.
Eventos como a chegada de estranhos, discussões, mudanças na iluminação e ruídos repentinos podem afetar o quanto o seu gatinho come, portanto, mantenha os fatores perturbadores a um mínimo.

Grey and white kitten standing inside eating from a white feeding bowl

Que quantidade de líquidos devo dar ao meu gatinho?

Os gatos precisam de beber geralmente cerca de 60 ml por cada kg de peso, seja através da ingestão de líquidos ou através do próprio alimento. A temperatura, o nível de exercício físico do seu gatinho e a condição física têm impacto direto na quantidade de líquidos que precisa de ingerir, bem como na sua alimentação. Um gatinho alimentado com alimentos secos (que contêm cerca de 10% de água) precisará de beber mais do que um gatinho alimentado com alimentos húmidos (que contêm cerca de 80% de água).

Por que motivo pode a alimentação mista ser boa para gatinhos?

A alimentação mista consiste em dar ao seu gatinho uma combinação de alimentos húmidos e secos, seja na mesma refeição ou em refeições separadas. Pode ajudar a proporcionar uma nutrição equilibrada e oferecer também uma variedade de outros benefícios de saúde.

Hidratação

Duas saquetas de alimentos húmidos por dia podem fornecer ao seu gatinho cerca de 73% da ingestão diária recomendada de água.

Palatabilidade

As nossas fórmulas de alimentação húmida são desenvolvidas para serem altamente apelativas para os gatinhos mais exigentes.

Controlo do peso

O alto teor de humidade presente nos alimentos húmidos significa que pode servir uma quantidade maior não implicando alteração no número de calorias.

Higiene dentária

Os croquetes secos podem ajudar a manter os dentes do seu gatinho limpos graças ao efeito da escovagem durante a mastigação.

Petiscar naturalmente

Disponibilizar alimentos secos para petiscar durante o dia permite que o seu gatinho siga o seu instinto natural de comer várias refeições pequenas diariamente.

Quando devo iniciar a alimentação mista?

As preferências alimentares de um gato são influenciadas pelas rotinas estabelecidas no primeiro ano de vida. Por conseguinte, é bom oferecer ao seu gatinho uma variedade de alimentos no início de vida, introduzindo sempre os novos alimentos gradualmente. O momento ideal para iniciar a alimentação mista é entre os dois e os três meses de vida.

Ler o artigo
Kitten standing indoors eating from a stainless steel bowl
how to transition onto new food illustration

Como alterar a alimentação do seu gatinho

Quaisquer alterações repentinas na dieta do seu gatinho podem causar perturbações digestivas ou fazê-lo criar reservas em relação à comida. Quer esteja a transitar para um alimento de adulto, a trocar de produto ou a incorporar uma alimentação mista, é importante introduzir lentamente os novos alimentos, pelo período de uma semana.

Ler o artigo

Questionário sobre alimentação de gatinhos

Teste os seus conhecimentos e descubra o quanto aprendeu respondendo ao nosso questionário

Maine Coon kitten in black and white on a white background Bengal kitten in black and white on a white background

Pergunta 1 de 4

Qual é a diferença entre comida para gatinhos e comida para gatos adultos?

Correto!

Os gatinhos requerem níveis energéticos e proteicos mais elevados na sua dieta para promover o seu rápido crescimento e desenvolvimento. Sem o equilíbrio adequado de nutrientes, o seu gatinho pode não ser capaz de suportar as mudanças contínuas que enfrenta durante o primeiro ano de vida.

ou

Mother and kitten playing together outside in grass

Incorreto

Os gatinhos requerem níveis energéticos e proteicos mais elevados na sua dieta para promover o seu rápido crescimento e desenvolvimento. Sem o equilíbrio adequado de nutrientes, o seu gatinho pode não ser capaz de suportar as mudanças contínuas que enfrenta durante o primeiro ano de vida.

ou

Mother and kitten playing together outside in grass

Pergunta 2 de 4

Que nutriente é responsável pelo conforto digestivo nos gatinhos?

Correto!

As fibras alimentares, provenientes de matéria vegetal, são úteis na dieta de um gatinho para evitar problemas gastrointestinais, como a diarreia ou obstipação

ou

Maine Coon kittens lying down next to each other on a sofa

Incorreto

As fibras alimentares, provenientes de matéria vegetal, são úteis na dieta de um gatinho para evitar problemas gastrointestinais, como a diarreia ou obstipação

ou

Maine Coon kittens lying down next to each other on a sofa

Pergunta 3 de 4

De que forma pode a alimentação de um gatinho mudar depois da esterilização?

Correto!

Depois da esterilização, o apetite de um gatinho tende a aumentar, enquanto se torna simultaneamente menos ativo. Se a ingestão de calorias não for controlada com cuidado, o seu gatinho poderá adquirir rapidamente excesso de peso.

ou

Grey kitten eating from a ceramic food bowl

Incorreto

Depois da esterilização, o apetite de um gatinho tende a aumentar, enquanto se torna simultaneamente menos ativo. Se a ingestão de calorias não for controlada com cuidado, o seu gatinho poderá adquirir rapidamente excesso de peso.

ou

Grey kitten eating from a ceramic food bowl

Pergunta 4 de 4

Que fator ambiental poderá afetar o comportamento alimentar do seu gatinho?

Correto!

Os gatos são muito sensíveis, portanto, fatores como o posicionamento das tigelas, visitas em casa ou barulhos podem facilmente perturbar os hábitos alimentares do seu gatinho.

ou

Grey kitten eating from a stainless steel feeding bowl

Incorreto

Os gatos são muito sensíveis, portanto, fatores como o posicionamento das tigelas, visitas em casa ou barulhos podem facilmente perturbar os hábitos alimentares do seu gatinho.

ou

Grey kitten eating from a stainless steel feeding bowl

Obrigado por responder ao questionário

A sua pontuação foi 0/0

Leia mais sobre a nutrição e a alimentação para gatinhos

KFECB13

A nossa gama para gatinhos

A nutrição ROYAL CANIN® Kitten contribui para o crescimento e o desenvolvimento, fornecendo todos os nutrientes essenciais para as necessidades de um gatinho no primeiro ano de vida.

Alimentos para gatinhos