Ajudar os cães e os gatos a terem uma vida mais saudável.
Está a pensar em ter um cão?

Aspetos a considerar antes de arranjar um cão

Adult Golden Retriever walking on a street with adult and child walking behind.
Adotar um cão vai mudar sempre a sua vida, mas, se fizer as perguntas certas antes de escolher o seu novo animal de estimação, tomará uma decisão mais acertada quanto ao que é ideal para si: um cão adulto ou um cachorro.

Há muitas perguntas que terão impacto não apenas na decisão de escolher um cão ou um cachorro, mas também no tipo de cão que vai adquirir e se vai a um centro de resgate ou num criador. A principal pergunta que se deve fazer é, no entanto, se o seu estilo de vida atual se ajusta a cuidar de um cão e, se houver mudanças a fazer, se está disposto a fazê-las?

Perguntas a considerar antes de arranjar um cão:

  • Tem filhos? Se sim, quantos anos têm? Pode precisar de tempo para ensinar às crianças mais novas como se devem comportar com um cão. Pode igualmente ser necessário considerar onde o cão vai passar o tempo, se não estiver sempre perto dele, já que as crianças não devem ficar sozinhas com o cão.
  • Tem outros animais de estimação? Se sim, como poderão reagir a um novo elemento? A apresentação de um cão a outros animais de estimação que já tenha deve ser feita gradualmente.
  • Tem jardim? Se sim, é seguro? Será necessário verificar se existem buracos na cerca ou plantas venenosas, bem como outros perigos. Se não tiver jardim, a que espaço exterior terá o cão acesso quando precisar de fazer as suas necessidades?
  • Trabalha a tempo inteiro? Se sim, estará fora o dia todo e haverá alguém que tome conta do cão durante o dia, ajudando a treiná-lo enquanto for jovem ou levando-o a passear e garantindo que tem água?
  • Faz muitas viagens? Se for muitas vezes de férias, o seu cão vai acompanhá-lo? Qual é o seu plano se não puder ir consigo?
  • Consegue suportar financeiramente as necessidades do seu cão, incluindo o seguro para animais de estimação, a alimentação, as despesas do médico veterinário e a limpeza?

Tem tempo para um cachorro?

Uma das perguntas mais importantes a se fazer é se tem tempo para cuidar de um cachorro e treiná-lo. Os cachorros exigem muitos cuidados e atenção para garantir que não se magoam, para treiná-los e para ajudá-los a tornarem-se cães bem adaptados.

Por exemplo:

  • Os cachorros precisam de muito apoio no seu treino e ajuda na adaptação aos seus novos lares. À medida que crescem, vão continuar a precisar de fazer regularmente bastante exercício. Se estiver fora de casa o dia todo, um cachorro pode não ser a escolha certa para si.
  • O programa de treino deve começar o mais cedo possível, numa idade em que o cachorro tem naturalmente uma excelente capacidade de aprendizagem. Este pode ser um processo recompensador, mas demorado, e requer um reforço constante.
  • Quando chegar a sua casa, terá de estar por perto nos horários regulares de alimentação e terá de monitorizar os comportamentos do seu cão relativamente ao treino para a vida em casa.
  • Devido a ter muita energia e não sossegar, o cachorro precisa de brincar um pouco, diversas vezes, o que requer cuidado, atenção e planeamento. Por exemplo, algum tempo de brincadeira deve ser partilhado com outros cães de modo a ajudá-lo a aprender a socializar.
Rough Collie adulto sentado num trilho ao ar livre.

A sua casa é segura para um cão?

Não há apenas um tipo de ambiente indicado para um cão. Pode ter filhos ou outros animais de estimação que tem de ter em consideração. Pode morar numa cidade, no campo, num apartamento ou numa casa. Seja qual for o ambiente, o importante é que seja seguro para o seu animal de estimação.

Os cachorros, em particular, são muito recetivos ao ambiente onde estão e as experiências negativas terão um efeito duradouro neles. O habitat de hoje é muitas vezes urbano e com a vida na cidade vêm numerosos, frequentes e muitas vezes intensos estímulos visuais e auditivos. É extremamente importante que o seu cachorro não associe o seu meio ambiente a um susto ou a sensações desagradáveis.

A vida na cidade pode ser muito estimulante, mas para um cachorro pode ser facilmente avassalador. Deve aproveitar o tempo para familiarizá-lo gradualmente com o ambiente ao seu redor, bem como com as várias situações que terá que enfrentar: carros, escadas rolantes, elevadores, comboios, elétricos ou autocarros, entre muitos outros.

O cachorro também deve aprender a ficar sozinho em casa por períodos cada vez mais longos sem se sentir assustado nem se tornar destrutivo ou barulhento.

Aspetos a considerar:

  • Cabos elétricos expostos.
  • Qualquer local onde o cachorro possa ficar preso ou cair, como janelas, varandas ou escadas.
  • Substâncias tóxicas ao alcance, incluindo produtos de limpeza, recargas de cigarros eletrónicos, medicamentos, fertilizantes químicos, ferramentas afiadas, herbicidas e inseticidas.
  • Buracos e falhas na vedação no jardim por onde o cachorro consiga escapar ou plantas venenosas.
  • Plantas venenosas como figueiras-da-índia, cíclames, azevinho, visco, filodendros, aloés, narcisos, jacintos, íris, azáleas, rododendros, oleandros e ervilhas de cheiro.

A tutoria de um cão pode representar uma relação longa e gratificante, por isso, certificar-se de que a sua casa e o seu estilo de vida atendem às necessidades de saúde e segurança do seu novo cão ajudará bastante no processo de garantir uma vida bem-sucedida e feliz para ambos.

  • Bem-estar geral
  • Será que um cão é indicado para si

Faça gosto e partilhe esta página

Artigos relacionados
Adult English Cocker Spaniel sitting indoors while a woman grooms its ears.

O custo de ter um cão

Puppy Beagle running on a sandy beach.

Como cuidar de um cão

Responsabilidade de ter um cão

Saber mais sobre raças de cães

Pesquisar raças

Ver todas as raças
Cachorro Dachshund a saltar, a preto e branco sobre um fundo branco
Cookie Settings