Ajudar os cães e os gatos a terem uma vida mais saudável.
Saúde e bem-estar

​O meu cachorro tem diarreia?

Cachorro sentado num grande relvado a roer um pau.
A diarreia é, na verdade, bastante comum nos cachorros e pode variar de um ou dois episódios ligeiros que se resolvem rapidamente a sinais gastrointestinais graves que podem indicar uma doença mais grave. Existem muitas razões que levam um cachorro a ter diarreia.

Tem um cachorro novo e a primeira semana está a correr muito bem - o cachorro foi apresentado à nova família, está a comer bem, dorme (principalmente) durante a noite e progride bem com o treino em casa. Uma manhã, quando está a passear o seu cachorro, percebe que ele tem diarreia. O que deve fazer?

Como é que o meu cachorro ficou com diarreia?

A diarreia é, na verdade, bastante comum nos cachorros e pode variar de um ou dois episódios ligeiros que se resolvem rapidamente a sinais clínicos gastrointestinais graves que podem indicar uma doença mais grave. Existem muitas razões que levam um cachorro a ter diarreia:

  • Estão com stress: ser adotado e ir viver numa nova casa é emocionante para o cachorro, mas também constitui uma enorme mudança na sua vida, potencialmente causadora de ansiedade. Por esta razão, não é raro os cachorros reagirem com um leve distúrbio gastrointestinal (GI) e desenvolverem diarreia. Para aliviar o stress do seu cachorro, deixe-o adaptar-se lentamente ao novo ambiente. Limite o número de visitantes que ele conhece nas primeiras semanas para evitar sobrecarregá-lo. Dê-lhe bastante tempo para gozar de tranquilidade e dormir sestas, e estabeleça uma rotina diária de alimentação, brincadeiras, descanso e exercícios com intervalos regulares.
  • Começaram uma nova dieta: lembre-se, dependendo da idade do seu cachorro, pode ter terminado há pouco o desmame, o que constitui uma mudança significativa na dieta. Se tiver mudado os croquetes que lhe dá, isso pode causar transtornos gastrointestinais temporários, especialmente se a mudança se tiver dado rapidamente. Se pretender mudar a comida do seu cachorro, faça a transição lentamente ao longo de um período de sete a dez dias, aumentando gradualmente a proporção de novos alimentos durante esse período.
  • Eles experimentam tudo: todos os cachorros são curiosos e tendem a explorar novos objetos colocando-os na boca e, às vezes, ingerindo-os. Um cachorro não vigiado pode comer lixo, brinquedos, plantas domésticas, insetos e até mesmo terra, o que pode causar problemas de estômago ou, ainda mais grave, um bloqueio intestinal.
  • Foram expostos a parasitas: a exposição a parasitas pode ter origem na ingestão de um alimento desadequado ou resultar de contágio causado pela progenitora. Se suspeitar que o seu cachorro tem um parasita, leve-o ao médico veterinário imediatamente. As infestações de parasitas devem ser tratadas com medicamentos prescritos pelo médico veterinário.
  • Apanharam um vírus: nos cachorros, a diarreia é um dos sinais mais comuns de várias doenças infeciosas. A mais grave é o parvovírus, uma doença altamente contagiosa que pode ser fatal. Além de desenvolverem diarreia grave, os cachorros infetados com parvovírus ficam letárgicos, têm febre e apresentam sinais de dor e desconforto abdominal. Os cachorros são particularmente suscetíveis ao parvovírus, pelo que deve certificar-se de que os vacina no momento certo.

Cachorro Chihuahua deitado num cobertor.

Prevenção da diarreia em cachorros

Reduzir o stress e introduzir novos alimentos lentamente são ótimas maneiras de evitar a diarreia do cachorro, mas não são as únicas ferramentas na sua caixa de ferramentas. Certifique-se de que está sempre a supervisionar o seu cachorro. Estar atento ao seu novo cachorro ajudará a evitar que engula itens perigosos e a não arranjar problemas de forma geral.

Porque há uma variedade de causas de diarreia em cachorros, é importante verificar com o seu médico veterinário sempre que vir que o seu cachorro tem diarreia. Trabalhando com o seu médico veterinário para obter um plano de saúde proativo, irá conseguir manter o seu cachorro na linha. Alguns dias depois de trazer o seu cachorro para casa, leve-o ao médico veterinário para um exame físico completo. O médico veterinário avaliará a saúde e o estado geral do cachorro, verificará a presença de parasitas e responderá a quaisquer perguntas que possa ter sobre alimentação e assistência médica.

  • Saúde digestiva

Faça gosto e partilhe esta página

Artigos relacionados
Dachshund adulto sentado numa marquesa a ser examinado por um médico veterinário.

​Detetar os sinais de problemas digestivos no seu cão

Adult Jack Russell lying down indoors on a dog bed with a cone on.

Como alimentar o seu cão após uma cirurgia

Duck Tolling Retriever da Nova Escócia adulto deitado num tapete num espaço interior.

O seu cão está obstipado?

Encontrar um veterinário

Se estiver preocupado com a saúde do seu cão, consulte um médico veterinário para obter aconselhamento profissional.

Pesquisar perto de mim
Jack Russell Terrier adulto de pé, a preto e branco sobre um fundo branco
Cookie Settings